28 de mar de 2011

Solidão...



Você ainda ocupa todos os meus espaços...
Cada pensamento, sentimento, emoção...
Ao adormecer passeio por entre seus braços e me perco em tuas lembranças...
Te chamo... Te amo, em cada poro teu cheiro, em cada lembrança um arrepio...
Rolo na cama meu corpo reclama o teu...
Minha saudade invade, perturba, dói, consome...
Abraço o travesseiro nele ainda sinto teu cheiro... Involuntáriamente quase demente te chamo e no vazio do quarto reverbera minha saudade e com ela tua ausência...
O cheiro do nosso amor ainda no ar, no corpo o calor...
Nos lábios o gosto do beijo...
Ah... Meu amor tantas noites de espera e solidão... E dor...
By Ahtange

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para o CANTO CIGANO.
Diga-nos o que achou desse post.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...