28 de jun de 2012

Eu queria um amor... by Van





Eu queria um amor 
que risse junto comigo dos nossos deslizes

Queria um amor 
que ficasse sério junto comigo 
quando a vida me pedisse seriedade

Eu queria um amor macio
desses que fazem a gente se sentir confortável 
até em elevador cheio

Queria um amor 
pra me ouvir contar tudo que descobri 
e o que aprendi

Queria um amor 
pra agüentar minha empolgação 
e amparar-me em seus braços 
quando a desilusão quiser me tomar nos braços dela

Queria um amor
Que não quisesse que eu o fizesse feliz
Também não pediria que ele me fizesse feliz

Queria um amor 
que me permitisse vivenciar com ele sua felicidade 
e fizesse parte da felicidade que já possuo

Queria um amor  
que me deixasse só 
quando só eu pudesse me ter 

Queria um amor
que estivesse sempre presente 
quando tudo que me faltasse fosse o seu ser 

Queria um amor 
que brilhasse os olhos ao me ver brilhar
que me desse espaço para sonhar 
que vivesse comigo todas as realidades 

Queria um amor 
que eu pudesse fazer tudo isso por ele também. 

Eu só queria saber 
se existe este alguém, se posso ser assim também 

Acho que não, então fico quietinha, deixo que desejem

Já fui a peça que faltava a um motor 
Hoje sou engrenagem completa

Van

6 comentários:

  1. Van,

    Difícil encontrar este amor tão especial, mas acredito que ele exista sim, rsrs.não totalmente completo, mas real por inteiro...

    Beijosss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ciça,

      Você acertou!

      Vou confessar só pra você... Eu já encontrei. Esta poesia é antiga rsrs

      Beijos

      Excluir
  2. Oi Van,

    Que linda poesia. Que sincero querer!
    Eu acredito que exista sim e esse amor é sublime de se viver, de sentir e também de desejar.

    Adorei a poesia de coração.
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lidiane

      Que bom que você gostou! Que bom receber a sua visita aqui. Seja bem vinda!

      Ele existe sim, é um amor mais maduro, entre dois que são responsáveis por si mesmos e compartilham coisas sem torná-las exigências ou fazer do outro uma tábua para a sua própria salvação. É simples, bem simples, mas precisa ser amparado pelo auto conhecimento e pela auto satisfação.

      Beijos

      Excluir
  3. Olá, mas que lindo poema, me deu a sensação que não exista esse amor que tanto procura, mas ele existe, escondido nesse grande mundo há de haver alguém que a complete da maneira que deseja.
    Um grande beijo. Tenha uma boa noite.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Clarice,

      Existe sim, posso te garantir que existe.

      Beijo imenso e obrigada pala presença aqui no Canto Cigano e pelo comentário carinhoso.

      Excluir

Seu comentário é muito importante para o CANTO CIGANO.
Diga-nos o que achou desse post.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...