27 de jul de 2012

Versos de quem sente fome! By Dany


Hoje eu quero conversar com o seu coração
Dizer-lhe que eu me envergonho de ser um pedinte
Porém mesmo assim eu estendo a minha mão!

Os cheiros das frutas me lembram um sabor
 que hoje eu não posso provar
Nas docerias os doces coloridos 
só podem ser pinturas na minha visão
Das portas dos restaurantes 
saem um aroma que me fazem flutuar

Meus pés estão descalços, 
a minha roupa rasgada e o meu estomago vazio!
Nos mercados eu não posso entrar, 
eu sou visado como um ladrão
O meu sonho de consumo de longe eu espio!

Alguns alimentos às vezes 
você se enjoa de comer e joga fora
Em vez de embrulhar e levar para alguém que sente fome
Pense naquele que há dias não come 
e sobrevive de esmolas!

Este alguém sou eu meu irmão
A minha imagem nunca agrada
Como eu vou chegar ao fundo de um coração?

Estou caminhando de joelhos
Acredite, eu nunca imaginei que um dia iria estar assim!
O que mais me entristece não é a fome, é o seu desprezo!

À noite é a hora em que os sonhos
 vão além da imaginação
Enquanto eu sonho com um prato de comida
Você sonha com um carro de ultima geração

No inverno eu me cubro de coragem, 
eu não tenho cobertor
A minha cama é um pedaço de papelão
Eu me apodero dos seus lixos, 
sobras que para você não tem mais valor

Não se culpe, cada um deve levar a sua vida!
A minha fome eu engano 
com um pedaço de pão amanhecido
Você não é obrigado a me dar guarida!

Porém não me rotule, me tratando como um delinquente
Isto sim é cruel!
Dói muito mais do que ser chamado de indigente!


Janete Sales (Dany) 



Honestidade Nao Tem Preço, 
Casal de Rua 
Devolve 20 Mil Reais que Encontrou na Rua





"Casal 20 mil" são recompensados

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para o CANTO CIGANO.
Diga-nos o que achou desse post.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...