3 de nov de 2012

Quem sabe você está lá?By Dany

 

Onde recuperar a inspiração perdida?
Para aonde você foi minha vida?
O seu silencio consome o meu ar
O meu mundo vai desmoronar!

Eu lhe procuro e em cada voz eu suponho que é a sua
A minha imaginação enlouqueceu a sua procura
Em cada sorriso eu tento encontrar o seu


Eu gostaria de ter asas para ir lhe buscar
Sobrevoar a terra inteira até me esgotar
Sumir, evaporar 
e surgir do seu lado em algum lugar
Caminhar em busca dos seus olhos 
e em você me aprofundar!

Alcançar o seu pensamento 
e nele desenhar o nosso momento
E no ar atirar pétalas do meu perfume 
que serão entregues a você pelo vento
Ir a sua procura no mar e me afogar de amor e paixão
Seguir ao seu encontro sem direção,
 o meu guia é o meu coração!

Eu vou penetrar na terra a sua procura 
e desaparecer para lhe encontrar!
E do meu sonho jamais irei despertar, 
pois quem sabe você está lá!
Eu vou me ocultar dos olhos do mundo inteiro, 
menos dos seus
Para que só você me presencie de longe 
e encontre os olhos meus!

Janete Sales - Dany


Gifs:

2 comentários:

  1. Oi Janete

    Lindo poema, triste pelo sentimento de ausência, mas quem não caminha carregando algumas ausências?

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OLá Van!

      Obrigado Van, sim a ausência sempre se faz presente em nossas vidas, é a lei da vida...
      Nada é eterno só o amor que habita um coração!
      Agradeço o comentário amiga!
      Beijos

      Excluir

Seu comentário é muito importante para o CANTO CIGANO.
Diga-nos o que achou desse post.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...