13 de jan de 2015

Soneto Alma Cigana Corrigido


Liberdade profunda no viver

Natureza que brinda toda trilha

Coragem que tempera o florescer

Povo de paz recusa uma guerrilha!



O preconceito afronta o coração

O sangue na veia dá todo perdão

Alma cigana eclode na emoção

Salve Povo Cigano na oração



Avançam nas estrelas luminosas

Nas veredas ornadas de mil rosas!

Santa Sara reluz abrindo a estrada



A fogueira ilumina a solidão

Um gitano garboso faz canção

Energia de uma vida renovada!

Janete Sales Dany 
Poesia@Direitos autorais protegidos por lei

Poesia registrada na Biblioteca Nacional
No livro "Vilarejo do preconceito e outras"
Página:16

Janete Sales Dany 
Poesia@Direitos autorais protegidos por lei

Licença Creative Commons
O trabalho Soneto Alma Cigana Corrigido de Janete Sales Dany está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para o CANTO CIGANO.
Diga-nos o que achou desse post.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...