10 de mar de 2011

Como te amo...

Amor... Palavrinha tão pequena de efeito avassalador....
De repente você chegou e me cativou.
Agora a única coisa que sei é que estou decidida a não te perder.
Estou completamente dependente; do teu amor.
Resolvida a ser tua pra sempre....
As horas passadas em tua companhia, são como notas musicais...
Como brisa em manhã de primavera...
Quando penso em você sinto que meu peito vai explodir...
E quando não está, sinto uma dor que parece que vou morrer se te perder...
Meu tão amado anjo, tens em mim paixão, enlevo de alma...
A ti pertenço, tocaste minha alma antes de tocar meu corpo e me possuíste da forma mais completa e irracional, mais real e exuberante.
Amo você como a menina ama sua primeira boneca, mais tarde o primeiro bater mais forte do coração.
Que parece que vai arrebentar no peito...
E borboletas parecem revoar no estômago e uma sinfonia toca nos ouvidos e tudo é azul da cor do mar...
É assim que aprendi a te amar...
Parece loucura em tão pouco tempo... E não seria amor se assim não fosse.
A ti dedico amor tão puro, sincero, incondicional e nada te peço além de me deixar te amar, apenas aceite meu amor... Saiba apenas que ele existe... E já serei feliz.
Sempre sua doce criança...
...A você, Pequeno príncipe no planeta que estiver.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para o CANTO CIGANO.
Diga-nos o que achou desse post.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...