8 de set de 2011

Aqueles que não falam...by Dany


Minha voz não saiu por diversas vezes
Uma revolta aos poucos foi se apoderando, tomando conta de mim
Uma voz precisava dizer, que eu estava viva, mas não disse
Que ser “maravilhoso” eu era...nunca se magoava, aceitava todas as situações!
Não tinha querer, opinião, mas por dentro, a triste verdade...tantos ressentimentos
E eu vivia nesta prisão imaginária no meu cativeiro perverso, onde o meu pior inimigo era o MEDO!
Medo de machucar os outros, mas por conseqüência, eu estava aos pedaços
Medo de um enfrentamento, e a vida sempre me cobrando uma atitude!
Esqueça...eu era “Boazinha”, uma Maravilha da natureza!

Aqueles que não falam, são tão sofredores, são mortos vivos

Estão respirando, comendo, dormindo, mas matam as suas idéias
Deixam a vida sempre para o amanhã, um talvez...
Porque não existem para a vida, nada dizem, nada cobram
E conseqüentemente, sempre serão um nada para os outros e para si mesmo!

Muitos dizem que num dialogo devemos saber ouvir,
Mas isto não é o suficiente...falar também é necessário,
Quem se cala consente, assina em baixo...
E hoje eu vejo assim:
Viver só “assinando em baixo” é pura falta de personalidade!
Janete Sales(Dany)



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para o CANTO CIGANO.
Diga-nos o que achou desse post.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...