7 de set de 2011

Encanta...seduz...by Dany



Nascemos para amar; a Humanidade
Vai, tarde ou cedo, aos laços da ternura.
Tu és doce atractivo, oh fermosura,
Que encanta, que seduz, que persuade.
Quantas vezes, Amor, me tens ferido!
Quantas vezes, Razão, me tens curado!
Quão fácil é de um estado a outro estado!
O mortal sem querer é conduzido!
Nos torpes laços de beleza impura
Jazem meu coração, meu pensamento...

Bocage

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para o CANTO CIGANO.
Diga-nos o que achou desse post.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...