27 de nov de 2011

Retrato...by Dany



"Eu não tinha este rosto de hoje,
assim calmo, assim triste, assim magro,
nem estes olhos tão vazios, nem o lábio amargo.
Eu não tinha estas mãos sem força,
tão paradas e frias e mortas;
eu não tinha este coração que nem se mostra.
Eu não dei por esta mudança,
tão simples, tão certa, tão fácil:
Em que espelho ficou perdida a minha face?"

Cecília Meireles



 
Retrato - Cecília Meireles

4 comentários:

  1. É isso meu amigo..."em que espelho ficou perdida minha face..." lindo!!!
    bjos

    ResponderExcluir
  2. Boa tarde Marcela!

    Esta poesia é linda,
    de Cecília Meireles,
    nos refletir e muito!

    Um retrato que todos
    teremos que encarar um dia,
    cedo ou tarde!

    Volte sempre ao Canto Cigano,

    Obrigada pela visita!

    Beijos e abraços

    Dany

    ResponderExcluir
  3. Um dos mais belos e reflexivos poemas de Cecília... Mais um maravilhosos achado da Amada Dany...

    Agora, Querida, vamos descobrir onde, enfim, se "perdeu sua face"...

    Ela é necessária para que possamos voltar à sorrir, juntamente com você... Sem você, não há sol!

    Beijos com muito carinho, Má!

    ResponderExcluir
  4. Boa noite Querido!

    Cigano eu estou aqui...rsrsrs

    Sempre estarei...

    Obrigado pelo carinho

    E pela consideração!

    Este poema de Cecília Meireles
    é muito lindo, ele serve para que nós possamos refletir,
    que a vida passa, todos um dia vamos ver o nosso retrato!

    Querido Cigano
    a Dany sempre será Canto Cigano eternamente!

    Beijos no seu coração querido amigo!

    Dany

    ResponderExcluir

Seu comentário é muito importante para o CANTO CIGANO.
Diga-nos o que achou desse post.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...