15 de mar de 2015

Soneto Coração Cigano By Janete Sales Dany


Outrora andei na rota do sofrer
Eu confrontei a penúria corpulenta!
Contratempos na frente do querer
Na fé encarei a borrasca turbulenta

Mirei o irisar no céu do meu viver
Sei, Santa Sara kali nunca ausenta!
Mereci raios de sol no amanhecer
Protegi a minha vida da tormenta


Ofereci o meu íntimo ao bom Deus
Sempre descobri luz nos sonhos meus
Arriba estava o amor de cor vibrante!

Dizem que sou mistério nesta terra...
Sou defensor da paz, e execro a guerra!
Um coração cigano, e sempre avante

Janete Sales Dany

Poesia Registrada e Imortalizada 
na Biblioteca Nacional

No livro "Vilarejo do preconceito e outras"

Página:16
Licença Creative Commons
O trabalho Soneto Coração Cigano de Janete Sales Dany está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para o CANTO CIGANO.
Diga-nos o que achou desse post.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...